PASSEIO NA FAZENDA

por João Soares

Esta aula é destinada para crianças de 4 a 6 anos.

Aquecimento:

Podemos começar a aula com um jogo cooperativo sobre bichos.

Monta-se 4 ou 5 equipes de duas ou três crianças, cada uma das crianças desta equipe deve ser o mesmo bicho. Depois separamos as crianças pela sala e de olhos fechados elas devem fazer o som do animal de seu grupo, até encontrarem seus parceiros.

Aula/História:

Quem já foi a uma fazenda?

Podemos também ir para a fazenda com a nossa imaginação.

Podemos usar um carro para chegar até lá! (cada um dirigindo seu carrinho fazendo o som do carro com os lábios)

Para a viagem ficar mais gostosa vamos cantar uma música! ( a música pode ser cantada enquanto as crianças andam com os carrinhos).

Motorista, motorista, olha a pista , olha a pista.

Não é de borracha, não é de borracha ! Não é não. Não é não.

Motorista, motorista olha o poste, olha o poste .

Não é de borracha, não é de borracha ! Não é não. Não é não.

E agora que chegamos na fazenda vamos fazer um passeio:

– Podemos andar de cavalo… (postura do cavalinho: vajrasana, sentado sobre os calcanhares e elevando os joelhos do chão quando o cavalo relincha)

– Olha! Estamos perto da lagoa. Olha tem um sapo na lagoa! Será que o sapo lava o pé? (postura do sapo, bekasana; depois da postura todos cantam, o Sapo não lava o pé)

– Será que nessa fazenda tem vaca?

A vaca dá para nós o leite, então vamos fazer um queijo bem gostoso? ( upavista konasana, pernas afastadas como se tivesse mexendo uma colher com as duas mãos em um grande caldeirão)

– Alguém está vendo um cachorrinho ali encima do morro?

Então vamos fazer a postura do cachorro? ( adho-muka svanasana)

– Olha um espantalho. Vocês sabem para que serve o espantalho.

Então vamos nos transformar em espantalhos, paradinhos como uma estátua?

– Dizem que nessa fazenda tem Saci Pererê, como o Saci faz? (pular num pé só).

– Que tal a gente descansar debaixo de uma mangueira.

– E que tal a gente chupar uma manga bem gostosa tirada do pé? (imaginar que está chupando a manga, falar do gosto, etc)

– Agora, que tal descansarmos debaixo da sombra dessa mangueira e ficar ouvindo o barulho desse riozinho? ( sons de água e relaxamento conduzido, ou não)